O petista Lindbergh Farias postou notícia chocante contra a "cara de pau" e "hipocrisia" de João Doria. Sua fonte: o Sensacionalista.

Logo após o ano em que a imprensa errou tudo o que afirmava e acabou tendo de cunhar o termo fake news para arrumar uma desculpa para seus fracassos, sinalizando que a direita seria criadora de boatos para vencer a narrativa hegemônica e homogênea da grande mídia, Lindbergh Farias, o senador com direitos políticos cassados duas vezes em dezembro, usou uma notícia do site Sensacionalista para criticar o novo prefeito tucano de São Paulo, João Doria.

PUBLICIDADE

Lindbergh Farias, entre links de fontes como Brasil 247, Lula e Boitempo, postou link para o Sensacionalista que exibia a manchete “Exclusivo: uniforme de gari usado por Doria era Ralph Loren”, a respeito do gesto simbólico de João Doria se vestir de gari em sua primeira manhã como prefeito.

O senador petista descreveu seu post: “A hipocrisia que vemos do PSDB em São Paulo quebra barreiras. Doria limpou lugar que os garis já tinham limpado para tentar forjar imagem com o público pobre, aumentando em níveis surreais sua cara de pau.” Se alguém cai em fake news no Brasil, Lindbergh Farias já pode ser agraciado com o Primeiro Grande Prêmio de 2017.

Lindbergh Farias cita Sensacionalista no Facebook

PUBLICIDADE

O Sensacionalista é um site de humor mais fácil, com piadas no mais das vezes óbvias, que não funcionam exatamente por serem engraçadas, mas pelo inusitado de estarem no formato notícia. Justamente o autor da “engraçadíssima” manchete contra João Doria é um dos fundadores do site, Marcelo Zorzanelli, que também é criador do ainda mais humorístico “Diário do C. do Mundo”, que replica conteúdo do site. Foi o Sensacionalista que postou “zoações” contra o vereador do MBL Fernando Holiday que o julgam por ser negro.

De fato, Sensacionalista é um bom atributo de Lindbergh Farias (não a manchete, mas o seu ataque de pelancas ao noticiá-la), muito bem acompanhado de Diário do C. do Mundo e suas outras formas de ataque.

—————

Não perca o artigo exclusivo para nossos patronos. Basta contribuir no Patreon. Siga no Facebook e no Twitter: @sensoinc

Sem mais artigos