Maria do Rosário faz piada com alerta de tsunami no Alasca e a mídia ignora

A singular deputada gaúcha Maria do Rosário faz piada com o alerta de tsunami no Alasca para fingir que o povo está defendendo Lula.

Maria do Rosário, aquela dos bandidos, fez uma piada no Twitter nessa manhã com o alerta de tsunami no Alasca, que moveu milhares de pessoas de suas casas. A esquerda não é exatamente excelsa na arte de fazer piadas (tudo é -ista -fóbico), e não seria logo Maria do Rosário ela própria que iria dar uma dentro.

A deputada gaúcha usou o alerta que fez a população do Alasca ter de se mover às pressas, que poderia provocar tragédias, para fazer propaganda do PT. Disse: “No RS, o fenômeno VERMELHO no mapa foi previsto pelo governo. O caro aparato do gov RS também se preparou contra ondas gigantes no Guaíba! Será por isso as embarcações. 😱”

Mesmo corrigindo a gramática horrorosa, nem mesmo com gás hilariante é possível rir da piada de Maria do Rosário. De fato, é difícil rir até de Maria do Rosário, já que nem a vergonha alheia permite derrisão.

https://twitter.com/mariadorosario/status/955846397269544962

A empresa de meteorologia MetSul respondeu Maria do Rosário, não gostando da, digamos, brincadeira:

Maria do Rosário apagou a sua engraçadíssima piada e… postou uma crítica ao governo não-petista do RS no lugar (a culpa, como se sabe, é sempre do sistema, nunca personalizada).

Mas a dúvida que fica é, como sempre: por que Maria do Rosário pode, se qualquer outro político ou celebridade não-petista tentando fazer troça de algo sério seria fulminado pela mídia, num verdadeiro assassinato de reputações?

É o que chamamos de guerra assimétrica. Sempre um lado é patrulhado, faz “declarações polêmicas” ou “gera mal estar” (alguém já teve diarréia com uma declaração anti-progressista?). O outro nunca é cobrado da mesma forma pela grande e velha mídia. Pode até fazer piada com desastres naturais que a mídia simplesmente a ignora.

No Alasca, o alerta foi diminuído. Mas não custa lembrar que, em 2004, o tsunami mais famoso do Oceano Índico matou cerca de 200 mil pessoas. Vítimas da sociedade, diríamos.

—————

Contribua em nosso Patreon ou Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!

Consiga uma vaga de emprego ou melhore seu cargo fazendo seu currículo no CVpraVC!

Conheça o curso Introdução à Filosofia Política de Olavo de Carvalho, ministrado por Filipe Martins na plataforma do Instituto Borborema. Conheça também o curso Infowar: Linguagem e Política de Flavio Morgenstern.

Faça sua inscrição para a série Brasil: A Última Cruzada, do Brasil Paralelo, e ganhe um curso de História sem doutrinação ideológica por este link. Ou você pode aproveitar a promoção com as duas temporadas por apenas 12 x R$ 59,90.

Sem mais artigos