Segundo a agência Stratfor, até 2030 China vai reduzir muito sua distância em força naval em relação aos EUA

A China está prestes a fazer os primeiros testes em mar aberto de seu segundo porta-aviões, o primeiro construído inteiramente no país. Segundo a agência Stratfor, a construção representa um marco significativo na ascensão da China como potência naval. Pequim segue de forma lenta, mas firme, uma ascensão militar também em sua Marinha, e será capaz de desafiar em supremacia naval até os Estados Unidos, ao menos em sua própria região.

PUBLICIDADE

Até o começo dos anos 2000, a China ainda dependia muito de tecnologia da Rússia e de outros países para seus armamentos. Foi quando adotou uma estratégia dupla: continuou a comprar navios de guerra russos enquanto desenvolvia seus próprios modelos. Somente após experimentos cuidadosos começou a produção em maior quantidade de navios novos e de fabricação própria.

Hoje os estaleiros da China produzem a fragata tipo 054, o submarino tipo 039, o destróier tipo 052D e corvetas tipo 056. Todos já serviram para substituir navios obsoletos que a China tinha desde o século XX, e o número de novos navios vai continuar crescendo.

Além disso, nos próximos 10 anos a China vai construir submarinos nucleares mais modernos e silenciosos e expandir sua frota de logística, com o objetivo de conduzir operações em alto-mar e expedições de longo alcance.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Até 2030, prevê a Strafor, a China provavelmente será a força naval dominante na região que vai das águas ao oeste da Coreia do Sul até o norte da Malásia, e terá “grandes vantagens” na área entre o Japão e a Indonésia. Os Estados Unidos ainda serão a superpotência dominante nos oceanos, mas a China será “senhora de seu próprio quintal marítimo”.

—————

PUBLICIDADE

A revista Senso Incomum número 3 está no ar, com a reportagem de capa “Trump x Kim: Armas nucleares, diplomacia e aço”. Assine no Patreon ou Apoia.se!

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Consiga uma vaga de emprego ou melhore seu cargo fazendo seu currículo no CVpraVC!

Faça os cursos de especiais para nossos leitores de neurolinguística empresarial e aprenda a convencer e negociar no Inemp, o Instituto de Neurolinguística Empresarial!

Conheça o curso Introdução à Filosofia Política de Olavo de Carvalho, ministrado por Filipe Martins na plataforma do Instituto Borborema. Conheça também o curso Infowar: Linguagem e Política de Flavio Morgenstern.

Faça sua inscrição para a série Brasil: A Última Cruzada, do Brasil Paralelo, e ganhe um curso de História sem doutrinação ideológica por este link. Ou você pode aproveitar a promoção com as duas temporadas por apenas 12 x R$ 59,90.

Sem mais artigos