Economia vai passar pelo período de recuperação mais demorado desde os anos 1980

O estrago causado pelas políticas econômicas do governo Dilma foi tão grande que o PIB do Brasil vai ficar atrasado por seis anos.

PUBLICIDADE

Estudo da Fundação Getulio Vargas (FGV) divulgado em O Globo nesta segunda-feira (23) mostra que vamos levar quatro anos inteiros para voltar ao mesmo nível de Produto Interno Bruto anterior à crise, contada a partir de 2014, ano da reeleição de Dilma. Foi quando a riqueza produzida no país começou a cair. O crescimento só foi retomado no começo de 2017, depois do impeachment.

Na última recessão longa, entre 1989 e 1992 – quando o Brasil enfrentou a hiperinflação sob os governos Sarney e Collor – a recuperação veio após sete trimestres. Desta vez são 16 trimestres, mais que o dobro.

Assim, se tudo der certo, em 2020 estaremos produzindo a mesma quantidade de riqueza que produzíamos em 2014. O PT literalmente atrasou o País.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Leia maisVocê sabe o que significa na prática a queda de 3,6% no PIB?

—————

PUBLICIDADE

A revista Senso Incomum número 3 está no ar, com a reportagem de capa “Trump x Kim: Armas nucleares, diplomacia e aço”. Assine no Patreon ou Apoia.se!

Consiga uma vaga de emprego ou melhore seu cargo fazendo seu currículo no CVpraVC!

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Faça os cursos de especiais para nossos leitores de neurolinguística empresarial e aprenda a convencer e negociar no Inemp, o Instituto de Neurolinguística Empresarial!

Conheça o curso Introdução à Filosofia Política de Olavo de Carvalho, ministrado por Filipe Martins na plataforma do Instituto Borborema. Conheça também o curso Infowar: Linguagem e Política de Flavio Morgenstern.

Faça sua inscrição para a série Brasil: A Última Cruzada, do Brasil Paralelo, e ganhe um curso de História sem doutrinação ideológica por este link. Ou você pode aproveitar a promoção com as duas temporadas por apenas 12 x R$ 59,90.

Sem mais artigos