O jornalista da Veja, ex-O Globo, já divulgou que Temer "decidiu renunciar", virando piada na internet, além de que Lula seria solto. O tema é sério: por que sua página não foi censurada?

O atual colunista da Veja, ex-O Globo, Ricardo Noblat, divulgou uma fake news com nítido “propósito de gerar divisão e espalhar desinformação”, como foi a terminologia do Facebook para censurar páginas de direita. Na ocasião, Noblat jurou que Michel Temer teria renunciado.

PUBLICIDADE

A notícia ainda pode ser encontrada neste link, que pode ser retirado do ar a qualquer hora na típica Operação Abafa.

O retorno da censura no Brasil por parte do Facebook sob a desculpa de derrubar páginas e apagar o conteúdo criado por usuários alegando que “escondiam das pessoas a natureza e a origem de seu conteúdo com o propósito de gerar divisão e espalhar desinformação” foi feito com quase 200 perfis de direita, que supostamente iriam “manipular o debate público” (sic).

Ora, todas as páginas somadas não devem possuir, juntas, 5% da audiência de um Ricardo Noblat sozinho. Seu perfil no Twitter possui hoje 983.792 seguidores. Sua recente página no Facebook, já na Veja, depois de sair d’O Globo, já possui 114,173 curtidas. Para não contar os perfis do próprio O Globo (e, hoje, da Veja) que, repetidas vezes, replicavam o conteúdo de Noblat.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

As fake news propaladas por Noblat possuem nítido caráter de desinformação, no sentido técnico e militar do termo: provocar um espalhafato que mova a opinião pública para aceitar uma idéia, como a de que o governo Temer é tão ruim que o presidente estaria renunciando (mesmo um presidente tão objetivamente ruim e impopular como Michel Temer ainda tem mais credibilidade do que Ricardo Noblat).

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Não é caso isolado: Ricardo Noblat também já espalhou a “notícia” de que Lula seria solto, afiançando que o ex-presidente “dormiria em casa”. Mais um exemplo do propósito de gerar divisão e espalhar desinformação, escondendo a natureza e a origem do seu conteúdo.

PUBLICIDADE

Noblat mente que Lula será solto

https://twitter.com/blogdonoblat/status/1016002707704942592

Também já usou de linguagem sensacionalista contra Donald Trump, com uma piada tão sem graça que nem o mais aguerrido e fanático crítico do presidente americano conseguiu dar uma risada honesta.

Noblat Trump Hitler

Os leitores podem se sentir convidados a descurtir a página de Noblat por causar “divisão e espalhar desinformação” através de fake news, além de denunciá-la ao Facebook para que ele derrube a página sem retorno ao colunista, em nome da isonomia.

Sem mais artigos