Liberdade

Facebook que se cuide. Jordan Peterson anuncia sua rede social: ThinkSpot

Jordan Peterson vai inaugurar plataforma livre de censura politicamente correta

Publicidade

A notícia foi transmitida pelo periódico Daily Wire. Empreendimento foi batizado de “Thinkspot” e promete ser campo de batalha pela liberdade de expressão

 

E também pelo próprio Jordan Peterson em seu Twitter:

 

 

A nova plataforma chamada ThinkSpot, no momento, está em versão beta. Entre na lista de avisos, novidades em breve em thinkspot.com.

 

O espaço permitirá a monetização de conteúdo e os usuários poderão se engajar em debates sem se preocupar com os critérios duvidosos das grandes companhias, que tendem a censurar os usuários de direita e centro-direita do Twitter, Facebook e YouTube.

A ideia do site foi divulgada no popularíssimo podcast de Joe Rogan, onde Peterson afirmou que “uma vez que você esteja em nossa plataforma, não removeremos você, exceto com um mandado da justiça”.

Vale lembrar que, recentemente, as principais redes sociais da atualidade baniram pensadores dissidentes de direita, conforme noticiado no Senso Incomum, como Paul Joseph Watson e Milo Yiannopoulos.


Confuso com o governo Bolsonaro? Desvendamos o nó na revista exclusiva para patronos através do Patreon ou Apoia.se.

Assine o Brasil Paralelo e tenha acesso à biblioteca de vídeos com mais de 300 horas de conteúdo!

Consiga uma vaga de emprego ou melhore seu cargo fazendo seu currículo no CVpraVC!

Adquira as camisetas e canecas do Senso Incomum na Vista Direita.

Não perca o curso Ciência, Política e Ideologia em Eric Voegelin, de Flavio Morgenstern, no Instituto Borborema!

Publicidade
Sem mais artigos