Digite para buscar

Deu no NYT

New York Times critica vacina chinesa, aplicada “sem provas, com riscos desconhecidos”

Mesmo o jornal da militância esquerdista alerta para a "falsa sensação de segurança de vacinas sem provas sendo testadas sobretudo fora da China", principalmente no Brasil

Avatar
Compartilhar
New York Times critica vacina chinesa, aplicada "sem provas, com riscos desconhecidos"

Deu no New York Times: “A China aplica vacinas Covid-19 não comprovadas a milhares, com riscos desconhecidos.” É com tom de crítica que o jornal mais esquerdista da América reporta as preocupações de especialistas em relação às vacinas que estão sendo testadas em voluntários na China.

O mundo ainda carece de uma vacina comprovada contra o coronavírus, mas isso não impediu que as autoridades chinesas tentassem inocular dezenas de milhares, senão centenas de milhares, de pessoas sem os testes tradicionais, diz o jornal.

Aprenda mais e irrite seus amigos inscrevendo-se no Brasil Paralelo

De acordo com o NYT, a corrida da China deixou especialistas do mundo inteiro desconcertados. “Nenhum outro país injetou vacinas não comprovadas em pessoas fora do processo comum de testes de drogas em escala tão grande”, informa.

A reportagem ainda revela o óbvio: vacinas não comprovadas podem ter efeitos colaterais prejudiciais. Se ineficazes, podem levar a uma falsa sensação de segurança e encorajar comportamentos que podem levar a ainda mais infecções.

No resto do mundo, os imunizantes estão na fase 3 de testes, e os voluntários são monitorados de perto. Mesmo assim, o governo chinês já aprovou previamente três vacinas diferentes para uso dentro do país. Não está claro se os voluntários foram totalmente advertidos sobre os riscos de tomar uma vacina de efeitos e eficácia ainda não comprovados.

Conheça a verdade: obedeça aos seus donos. Clique antes que te vacinem.

Raina MacIntyre, diretora do programa de biossegurança do Kirby Institute da Universidade de New South Wales em Sydney, Austrália, disse ao NYT que não recomendaria o uso de vacinas de emergência antes da conclusão dos testes da fase 3. 

Sem medo de ser taxado de anti-vacina, o jornal lembrou que, em 2017, crianças que tomaram a vacina contra a dengue da Sanofi ficaram mais doentes do que as que não receberam imunização.

Ao que parece, os únicos confiantes com a Coronavac são o Partido Comunista Chinês e o seu títere no Brasil, João Doria.


Seja membro da Brasil Paralelo e tenha acesso a horas de conteúdo sobre liberdade de expressão!

Entenda o pensamento do maior psicólogo da atualidade: Jordan Peterson – Entre a Ordem e o Caos!

Faça seu currículo com a CVpraVC e obtenha bônus exclusivos!

Conheça a Livraria Senso Incomum e fique inteligente como nósVista-se com estilo e perca amigos com a loja do Senso Incomum na Vista Direita

Assuntos:
Avatar
Leonardo Trielli

Leonardo Trielli não é escritor, não é palestrante, não é intelectual. Também não é bombeiro, nem frentista, não é formado em economia e nem ciências políticas. Nunca trabalhou como mecânico e nem bilheteiro de circo. Twitter: @leotrielli

  • 1