fbpx

Digite para buscar

Centro de Controle de Doenças americano exagerou número de transmissões ao ar livre

Compartilhar

O frenesi midiático por dados que corroborem sua narrativa tornou-se um mantra nas redações de jornal. Questione qualquer número divulgado por especialistas de redação e cientistas de gabinete e veja a mágica acontecer: carimbo de fake news e Big Techs diminuindo alcance em suas plataformas.

Os números que o Centro de Controle de Doenças dos EUA (CDC) divulgou sobre transmissão da peste chinesa ao ar livre, no entanto, são tão exageradamente enganosos que nem o New York Times teve coragem de aceitá-los bovinamente, como o fez o resto da mainstream mídia americana.

Segundo o CDC, a chance de alguém ser infectado pelo vírus ao caminhar na rua ou fazer uma refeição em uma mesa de restaurante está “abaixo de 10%.” O NYT considerou este número uma “pegadinha estatística.”

O número é errado? Não necessariamente, segundo o NYT. “Dizer que menos de 10% da transmissão de Covid ocorre ao ar livre é o mesmo que dizer que os tubarões atacam menos de 20 mil nadadores por ano. (O número mundial real é cerca de 150.) É verdade e engana.”

O jornal ainda lembra que este não é apenas um problema de pegadinha estatística. “É um exemplo de como o CDC está lutando para se comunicar com eficácia e deixando muitas pessoas confusas sobre o que é realmente arriscado”, afirma o artigo.

Baseando-se em números tirados não se sabe de onde, o CDC emitiu as recomendações sobre uso de máscaras ao ar livre.

“Essas recomendações seriam mais científicas se em algum lugar perto de 10 por cento da transmissão de Covid ocorresse em ambientes externos. Mas não é. Não há uma única infecção por Covid documentada em qualquer lugar do mundo devido a interações casuais ao ar livre, como passar por alguém na rua ou comer em uma mesa próxima”, conclui o jornal.

Com informações de Daily Caller e The New York Times


Seja membro da Brasil Paralelo por apenas R$ 10 por mês e tenha acesso a horas de conteúdo sobre liberdade de expressão!

Conheça a Livraria Senso Incomum e fique inteligente como nós

Vista-se com estilo e perca amigos com a loja do Senso Incomum na Panela Store

Faça seu currículo com a CVpraVC e obtenha bônus exclusivos!

Assuntos:
Leonardo Trielli

Leonardo Trielli não é escritor, não é palestrante, não é intelectual. Também não é bombeiro, nem frentista, não é formado em economia e nem ciências políticas. Nunca trabalhou como mecânico e nem bilheteiro de circo. Twitter: @leotrielli

  • 1