Digite para buscar

Direito

Ex-ministro sobre atual STF: “Excesso de autoridade e escassez de leitura”

Francisco Rezek, que também já foi da Corte Internacional de Justiça da ONU, critica "amadorismo": "Eles não estão lendo nada, nem os memoriais apresentados pela advocacia"

Avatar
Compartilhar
Ex-ministro sobre atual STF: "Excesso de autoridade e escassez de leitura"

O ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal e ex-ministro da Corte Internacional de Justiça da ONU, Francisco Rezek (foto), fez duras críticas ao STF em um evento promovido pelo Instituto dos Advogados Brasileiros, na segunda-feira (14).

As críticas foram feitas durante uma palestra que fazia parte do evento de lançamento do livro “A nova lei de migração e os regimes internacionais”, com prefácio assinado por Rezek.

“Uma das principais queixas dos advogados a respeito da Justiça brasileira, mas especialmente do STF, neste momento, é a de que há um excesso de autoridade convivendo com a escassez de leitura”, afirmou o ministro.

“Eles não estão lendo nada, nem os memoriais apresentados pela advocacia, muito menos as obras doutrinárias que poderiam ajudá-los a exercer a sua autoridade, sem arbitrariedade, improvisações e amadorismo.”

Com informações do site ConJur


Seja membro da Brasil Paralelo por apenas R$ 10 por mês e tenha acesso a horas de conteúdo sobre liberdade de expressão!

Conheça a Livraria Senso Incomum e fique inteligente como nós

Vista-se com estilo e perca amigos com a loja do Senso Incomum na Panela Store

Faça seu currículo com a CVpraVC e obtenha bônus exclusivos!

Assuntos:
Avatar
Leonardo Trielli

Leonardo Trielli não é escritor, não é palestrante, não é intelectual. Também não é bombeiro, nem frentista, não é formado em economia e nem ciências políticas. Nunca trabalhou como mecânico e nem bilheteiro de circo. Twitter: @leotrielli

  • 1