fbpx

Digite para buscar

Follow the money

Anthony Fauci possui milhões de US$ investidos em empresas chinesas

Funcionário mais bem pago do governo americano possui mais de US$ 10 milhões em carteiras de investimentos que inclui empresa farmacêutica chinesa

Compartilhar
Anthony Fauci possui milhões de US$ investidos em empresas chinesas

O diretor do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas (NIAID) dos EUA, Anthony Fauci, possui uma carteira de investimentos de mais de US$ 10 milhões em diversos fundos, incluindo ações de empresas chinesas.

Divulgados pelo senador Republicano Roger Marshall, os dados financeiros de 2020 de Fauci mostram que o diretor investiu em empresas da China por meio do fundo Matthews Pacific Tiger.

O portfólio do Matthews Pacific, publicado em 2021, revela que o fundo investiu 47,2% do dinheiro de seus investidores em empresas na China e em Hong Kong.

De acordo com o portal Breitbart News, a Wuxi Biologics Cayman figura entre as companhias listadas no portfólio. Em seu website, a empresa se descreve como “líder global de tecnologia biológica (…) que oferece soluções de ponta a ponta para capacitar as organizações a descobrir, desenvolver e fabricar produtos biológicos desde o conceito até a produção comercial.”

Os investimentos adicionais do fundo na China e em Hong Kong incluem as empresas Tencent Holdings, Ltd.; Alibaba Group Holding, Ltd.; Grupo AIA, Ltd.; e Hong Kong Exchanges & Clearing, Ltd.

Anthony Fauci é uma das figuras mais proeminentes do mundo, desde que a Organização Mundial da Saúde (OMS) classificou a peste chinesa como pandemia.

Funcionário mais bem pago da administração americana, diretor do NIAID desde 1984, Fauci está lotado no funcionalismo público federal dos EUA desde a década de 70.

Estima-se que seus vencimentos como diretor do NIAID lhe rendam anualmente algo em torno de US$ 400 mil. Sua aposentadoria poderá ser de até US$ 350 mil anuais.

Leia também:

Assuntos:
Leonardo Trielli

Leonardo Trielli não é escritor, não é palestrante, não é intelectual. Também não é bombeiro, nem frentista, não é formado em economia e nem ciências políticas. Nunca trabalhou como mecânico e nem bilheteiro de circo. Twitter: @leotrielli

  • 1