Digite para buscar

A casa do espanto

Deputada comunista, Alice Portugal, faz acusações falsas contra ministro da Educação

Após ser desmentida, deputada se defendeu dizendo que só leu uma matéria da imprensa. Cadê a CPMI das Fake News?

Avatar
Compartilhar
gremilin-portugal

Em mais um show de horror dos congressistas, a deputada comunista, Alice Portugal fez acusações fortes e falsas contra o ministro da Educação, Abraham Weintraub. Alice, histérica, como todo esquerdista radical, fez insinuações de que o ministro estaria em briga judicial com o pai e a mãe para ficar com a herança deles.

Com uma linha de raciocínio digna de um marsupial embriagado, Alicinha diz que vai ler uma notícia do Estadão e depois lê uma da Folha.

Emocionado, Weintraub desmentiu a deputada. Disse que seu pai ainda está vivo, o que impediria um processo por herança e que a mãe morrera há muito tempo. Pega no pulo, Lili tentou se defender dizendo que havia apenas lido uma matéria da imprensa.


A trapalhada acabou revelando coisas interessantes: a sórdida campanha de assassinato de reputações feita por uma imprensa produtora de Fake News em larga escala, que se coloca acima da verdade, protegida por gente muito poderosa.

Enquanto isso, uma CPMI criada sob a alegação de proteger o povo contra as mesmas Fake News, persegue cidadãos comuns e blinda a verdadeira produtora de mentiras: a imprensa.

 

————–

Saiba o que está por trás da CPMI das Fake News, o tema mais urgente do ano, em nossa nossa revista.

O Senso Incomum agora tem uma livraria! Confira livros com até 55% de desconto exclusivo para nossos ouvintes aqui

Faça o melhor currículo para arrumar um emprego e uma promoção com a CVpraVC

Compre sua camiseta, caneca e quadro do Senso Incomum em nossa loja na Vista Direita

Conheça a loja Marbella Infantil de roupas para seus pequenos (também no Instagram)

Faça os cursos sobre linguagem e sobre Eric Voegelin (e muitos outros) no Instituto Borborema

Faça gestão de resíduos da sua empresa com a Trashin

Siga-nos no YouTube Instagram

Assuntos:
Avatar
Carlos de Freitas

Carlos de Freitas é o pseudônimo de Carlos de Freitas, redator e escritor (embora nunca tenha publicado uma oração coordenada assindética conclusiva). Diretor do núcleo de projetos culturais da Panela Produtora e editor do Senso Incomum. Cutuca as pessoas pelas costas e depois finge que não foi ele. Contraiu malária numa viagem que fez aos Alpes Suiços. Não fuma. Twitter: @CFreitasR

  • 1