feminazi

Igreja evangélica é incendiada por feministas na Alemanha

Não é a primeira vez que feministas cometeram crimes contra igrejas na Alemanha. Já botaram fogo na van de um jornalista pró-vida e atacaram a Igreja católica de Santa Elisabeth por sediar um evento pró-vida

Publicidade

Feministas incendeiam e vandalizam igreja evangélica na Alemanha, na cidade de Tübingen. O ato criminoso ocorreu em 27 de dezembro do ano passado. No entanto, somente neste mês que o grupo denominado como “Feminist Autonomous Cell” assumiu a responsabilidade.

Não teve feridos. A igreja evangélica foi pichada de tinta roxa e a van destruída pelo fogo.

O reverendo da igreja de Tübingen disse que ficou chocado e percebe um clima cada vez mais hostil contra os cristão evangélicos:

“Nos últimos meses, vimos ameaças agressivas contra a igreja TOS em Tübingen, especialmente (vindas) do cenário da esquerda.”

Não é a primeira vez que o grupo Feminist Autonomous Cell cometeu crimes contra igrejas e religiosos. Já havia atacado a Igreja de St. Elisabeth, na mesma cidade, por sediar um evento pró-vida e botado fogo na van de Gunnar Schupelius, jornalista alemão, por este ser contra o aborto.


Conheça a importância da Primeira Guerra Mundial assinando o Guten Morgen Go – go.sensoincomum,org!

Publicidade
Sem mais artigos