Revolta

Preso mata e estupra garota após ser solto por causa do coronavírus

O estuprador já estava preso por ter cometido outros estupros, mas foi solto para o Estado o proteger do Covid-19

Aumenta os casos de estupros de mulheres cometidos por presos que saíram da cadeia por serem do grupo de risco de Covid-19.

No dia 4 de abril, a mineira Jenifer Hugo Modesto, de 18 anos, estava em um ponto de ônibus em Poços de Caldas quando foi raptada e estuprada por Éder Abrão Filadélfia, condenado por estupro mas liberado no dia anterior, 3, por ser do grupo de risco.

Filadélfia era hipertenso.

Ele só foi pego pela polícia após tentar cometer outro estupro dias depois, relatou o jornal da Record.

Emanuel Peres, namorado, disse que Jenifer “era sorridente, amigável, amável, tinha respeito por todo mundo”. Tainá dos Reis, cunhada de Jenifer, afirmou que ela era “uma menina extremamente tranquila, não dava trabalho nenhum, começando a vida dela agora. Não consigo acreditar.”


Entenda o pensamento do maior psicólogo da atualidade: Jordan Peterson – Entre a Ordem e o Caos!

Faça seu currículo com a CVpraVC e obtenha bônus exclusivos!

Conheça a Livraria Senso Incomum e fique inteligente como nós

Vista-se com estilo e perca amigos com a loja do Senso Incomum na Vista Direita

Publicidade
Sem mais artigos