Ditadura

Ditadura venezuelana matou 11.328 pessoas desde 2012

Lula fez campanha, João Santana recebeu US$ 54 milhões para fazer campanha e a esquerda brasileira aprova o totalitarismo bolivariano

Na última terça-feira, 16, a Revista Oeste publicou o relatório do Comitê de Familiares Vítimas de Violência. A apresentação informa que 11.328 venezuelanos foram assassinados extrajudicialmente por órgãos de segurança do totalitarismo bolivariano desde janeiro de 2012.

Mais 500 pessoas foram executadas pelas milícias da ditadura de Maduro nos últimos dois anos.

Cerca de 50% das mortes ocorreram em plena luz do dia. A maioria das vítimas são homens com menos de 25 anos.


Entenda o pensamento do maior psicólogo da atualidade: Jordan Peterson – Entre a Ordem e o Caos!

Faça seu currículo com a CVpraVC e obtenha bônus exclusivos!

Conheça a Livraria Senso Incomum e fique inteligente como nós

Vista-se com estilo e perca amigos com a loja do Senso Incomum na Vista Direita

Publicidade
Sem mais artigos