Digite para buscar

Esquerda x esquerda

Marxista negro é censurado em universidade por colocar classe acima de raça

Associação “Socialistas Democratas da America” combate o racismo impedindo um negro marxista de falar

Avatar
Compartilhar
Marxista negro é censurado em universidade por colocar classe acima de raça

Adolph Reed (foto) – nascido em New Orleans, 73 anos, marxista, apoiador de Bernie Sanders, socialista raiz – tinha todas as credenciais para ser voz proeminente da esquerda americana.

Mas foi cancelado por uma nova geração de socialistas da Democratic Socialists of America (DSA), organização que pariu legisladores da estirpe de Alexandria Ocasio-Cortez.

O caso aconteceu em maio de 2020 e foi reportado pelo New York Times em agosto. Reed foi convidado para apresentar uma palestra na Universidade da Pensilvânia. Falaria justamente sobre como a discussão racialista estava apartando a classe trabalhadora da esquerda. Não conseguiu.

O grupo AFROSOCialist and Socialists of Color não concorda com sua “forma reacionária e reducionista de política de classe.” Naturalmente, como ocorre em todas as facções de esquerda DE TODO O PLANETA, só existe uma saída para a divergência: censura.


Seja membro da Brasil Paralelo por apenas R$ 10 por mês e tenha acesso a horas de conteúdo sobre liberdade de expressão!

Entenda o pensamento do maior psicólogo da atualidade: Jordan Peterson – Entre a Ordem e o Caos!

Faça seu currículo com a CVpraVC e obtenha bônus exclusivos!

Conheça a Livraria Senso Incomum e fique inteligente como nós

Vista-se com estilo e perca amigos com a loja do Senso Incomum na Vista Direita

Assuntos:
Avatar
Leonardo Trielli

Leonardo Trielli não é escritor, não é palestrante, não é intelectual. Também não é bombeiro, nem frentista, não é formado em economia e nem ciências políticas. Nunca trabalhou como mecânico e nem bilheteiro de circo. Twitter: @leotrielli

  • 1