Absurdo

Menina de 5 anos morta por traficantes no Rio: “Mãe, não chora não”

STF, PT, PSOL et caterva acham que tem que deixar os assassinos soltos. A mídia simplesmente ignora a notícia mais importante do ano no país

Publicidade

Ketellen Umbelino de Oliveira Gomes, de 5 anos, estava indo à escola com a mãe, Jéssica, quando foi baleada por dois bandidos na zona oeste do Rio de Janeiro na tarde do último dia 12.

Ferida e caída no chão, conta a tia-avó Daysi da Costa, Ketellen consolou a mãe:

“Ela tava caída no chão e a Jéssica [mãe] contou que ela dizia: ‘Mãe, não chora não, mãe’. Aí ela voltou correndo para pedir socorro.”

O alvo do assassinato era Davi Gabriel, de 17 anos, e, segundo a polícia, os assassinos passaram de carro pela escola e os tiros acertaram Ketellen e o adolescente. Ambos não resistiram e faleceram no hospital.

O pai de Ketellen, Augusto, abatido disse:

“Perdi minha filha com 5 anos, nova, [ela era] agarradona comigo”

A Lei dos Crimes Hediondos, que foi um apelo genuinamente popular, eles tornaram letra morta. Colocaram quase tudo como inconstitucional e que se dane o povo. Há pelo menos 20 anos o Judiciário tem dado grandes contribuições para que a bandidagem reine livremente.


Saiba o que está por trás da CPMI das Fake News, o tema mais urgente do ano, em nossa nossa revista.

O Senso Incomum agora tem uma livraria! Confira livros com até 55% de desconto exclusivo para nossos ouvintes aqui

Faça o melhor currículo para arrumar um emprego e uma promoção com a CVpraVC

Compre sua camiseta, caneca e quadro do Senso Incomum em nossa loja na Vista Direita

Conheça a loja Marbella Infantil de roupas para seus pequenos (também no Instagram)

Faça os cursos sobre linguagem e sobre Eric Voegelin (e muitos outros) no Instituto Borborema

Faça gestão de resíduos da sua empresa com a Trashin

Siga-nos no YouTube Instagram

Publicidade
Sem mais artigos