Revisionismo histórico

PSOL quer trocar o nome de rodovias para homenagear Marighella e Dandara

Além da homenagem a um terrorista e uma detentora de escravos, partido totalitário também pretende trocar Bandeirantes por "guarani" - e até a Anhanguera, que já tem nome em tupi, também vira "Tupi"

O deputado estadual Carlos Giannazi (PSOL-SP) é autor do projeto de lei 394/2020 que propõe alteração dos nomes das seguintes rodovias:

Castello Branco – Passaria a se chamar Rodovia Carlos Marighella;

Raposo Tavares – Passaria a se chamar Rodovia Dandara;

Anhanguera – Passaria a se chamar Rodovia Tupi;

Bandeirantes – Passaria a se chamar Rodovia Guarani.

Segundo Giannazi, a mudança é necessária pois estas quatro rodovias paulistas homenageiam personalidades “históricas que se destacaram pela perseguição a minorias e pela violência“:

” [O projeto de lei] busca promover o revisionismo histórico necessário neste momento de tendência mundial de recuperar a memória e a verdade dos fatos ocorridos na formação nacional”.

O projeto ainda precisa ser votado na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo e ser sancionado pelo Governador João Doria (PSDB-SP).


Entenda o pensamento do maior psicólogo da atualidade: Jordan Peterson – Entre a Ordem e o Caos!

Faça seu currículo com a CVpraVC e obtenha bônus exclusivos!

Conheça a Livraria Senso Incomum e fique inteligente como nós

Vista-se com estilo e perca amigos com a loja do Senso Incomum na Vista Direita

Publicidade
Sem mais artigos