fbpx

Digite para buscar

Pirralhos no poder

Veja tweets de declarações de ódio de Thaiza Akemi, chefe no Twitter Brasil

A militância radical explica por que contas de direita só caem e não têm verificação, enquanto esquerdistas só faltam ameaçar de morte sem problemas

Compartilhar
twit-comuna

Nunca menospreze o poder vingativo de um riquinho mimado com complexo de culpa. No Brasil, a turminha cheia de dinheiro, que odeia o pobre real, mas ama a ideia de falar em nome deles, é responsável por muitos dos males atuais.

A elite psolenta carioca é, em sua maioria, constituída por adolescentes de 40 anos ou mais, que elegeram a si mesmos como os porta-vozes dos excluídos, muito embora, ter um excluído por perto seja, digamos, um inconveniente.

Aqui temos um bom exemplo disso. Thaiza Akemi, ungida defensora de sabe-se-lá-o-quê, mostra qual sua opinião sobre Bolsonaro.

Imagine se fosse um perfil de “direita” expressando esse ódio. É dever do público pressionar a empresa sobre posturas como essa. Não haveria problema nenhum com as opiniões da moça, cada um defende o que quiser. Acontece que o outro lado é constantemente calado por opiniões bem menos firmes como essas.

A isentolândia não deve ver problema algum nisso. Para os isentolefts, o que causa espécie, verdadeira ojeriza, é o documentário com a ” visão de direita” que a tevê do MEC vai exibir. Enquanto isso, perfis que não pagam pedágio para visões de esquerda são suspensos e até excluídos definitivamente.

————–

Saiba o que está por trás da CPMI das Fake News, o tema mais urgente do ano, em nossa nossa revista.

O Senso Incomum agora tem uma livraria! Confira livros com até 55% de desconto exclusivo para nossos ouvintes aqui

Faça o melhor currículo para arrumar um emprego e uma promoção com a CVpraVC

Compre sua camiseta, caneca e quadro do Senso Incomum em nossa loja na Vista Direita

Conheça a loja Marbella Infantil de roupas para seus pequenos (também no Instagram)

Faça os cursos sobre linguagem e sobre Eric Voegelin (e muitos outros) no Instituto Borborema

Faça gestão de resíduos da sua empresa com a Trashin

Siga-nos no YouTube Instagram

Assuntos:
Carlos de Freitas

Carlos de Freitas é o pseudônimo de Carlos de Freitas, redator e escritor (embora nunca tenha publicado uma oração coordenada assindética conclusiva). Diretor do núcleo de projetos culturais da Panela Produtora e editor do Senso Incomum. Cutuca as pessoas pelas costas e depois finge que não foi ele. Contraiu malária numa viagem que fez aos Alpes Suiços. Não fuma. Twitter: @CFreitasR

  • 1