Digite para buscar

Tenso

“Jennifer Aniston deveria morrer”, disse Weinstein segundo documentos

Documentos revelam o que pensa Harvey Weinstein, produtor de Hollywood com dezenas de acusações de assédio sexual e grande doador da campanha de Hillary Clinton

Avatar
Compartilhar
Jennifer Aniston, Harvey Weinstein, assédio

O produtor hollywoodiano Harvey Weinstein já foi acusado por dezenas de atrizes de ter praticado alguma forma de assédio sexual.

Nesta semana, a Justiça americana liberou mais de mil páginas sobre os julgamentos do produtor. Em uma das páginas, Weinstein disse que Jeniffer Aniston deveria morrer.

A ira de Weinstein se deu depois que o tabloide National Enquirer prometeu publicar uma denúncia da atriz contra o produtor, mas a própria assessoria de Aniston negou a informação:
“Jennifer não foi assediada ou abusada sexualmente por Harvey Weinstein”

Na próxima semana, em Nova Iorque, o produtor pode ser condenado a até 25 anos de prisão por crimes de agressão sexual e estupro em terceiro grau.

Weinstein é um generoso doador de recursos para o Partido Democrata e foi um dos financiadores da campanha presidencial de Hillary Clinton.


Conheça a importância da Primeira Guerra Mundial assinando o Guten Morgen Go – go.sensoincomum,org!

Assuntos:
Avatar
Oliver

Oliver é dropista, podcaster e palestrante. Twitter: @Oliver_talk

  • 1