LOADING

Type to search

Maktub torto nunca se endireita

Paulo Coelho pede boicote a produtos brasileiros

Morador de Genebra - porque na hierarquia de adjetivos aprovada pela ABNT esse é o que melhor descreve o Paulo Coelho - acha que cristãos talibãs vão dominar o Brasil

Avatar
Share
Paulo Coelho pede boicote a produtos brasileiros

O grande mago ataca novamente. O juntador de palavras que mora na Suíça mais bem sucedido de toda a história, o rei dos logogrifos, resolveu pedir boicote aos produtos brasileiros porque, afinal, o país vai muito bem, obrigado. O boicote, segundo Coelho, é porque teme que os “cristãos talibãs” controlem o país.

Paulo Coelho pede boicote a produtos brasileiros

O “cristão talibã” a quem o sr. Coelho se refere pode ser entendido como qualquer um que ao invés de se explodir pela sua religião prefira modos mais radicais de manter sua fé, como rezar. A capacidade de sintetizar aquilo que não existe é ímpar no sr. Paulo Coelho. Se continuar assim, poderá ser o novo Augusto Cury.

Dos adolescentes que tomam contato com um ou outro livro de mr. Rabbit, a maioria, tão logo termine a prova (único motivo para a leitura), deixa para sempre, sepultada no arquivo morto da memória, a infeliz experiência; alguns levam mais tempo para se desvencilhar do trauma; sobram aqueles que, gostando do livro e enveredando pelo árduo campo das obras completas do sr. Coelho, logram abrir um canal no YouTube para falar sobre geleca e minecraft, por exemplo. 

A esquerda está dizendo que Coelho tornou-se alvo de ataques dos “bolsonaristas” (rótulo mais vazio que pacote de Doritos). De fato é um absurdo. Afinal, quem é que deveria se importar quando alguém pede para que as nossas exportações sofram um boicote, causando uma crise econômica séria? Só malucos “bolsonaristas” mesmo. Paulo Coelho é um dos intelectuais de peso da nova esquerda identitária, assim como o Bob Esponja e os Teletubbies. 

Se tem uma coisa que afasta as pessoas dos livros do Paulo Coelho é a alfabetização. O pedido de Paulo Coelho, claro, não lhe custa nenhum martírio. Morando bem longe daqui, o boicote não impactaria a sua vida. Essa é a essência da esquerda: exigir o sacrifício dos outros. 

A respeito do sr. Paulo Coelho, o que podemos dizer é que ele está para a literatura assim como Xuxa e os Duendes 1 e 2 estão para a filosofia. 


Seja membro do Brasil Paralelo e tenha acesso a horas de conteúdo sobre liberdade de expressão!

Entenda o pensamento do maior psicólogo da atualidade: Jordan Peterson – Entre a Ordem e o Caos!

Faça seu currículo com a CVpraVC e obtenha bônus exclusivos!

Conheça a Livraria Senso Incomum e fique inteligente como nós

Vista-se com estilo e perca amigos com a loja do Senso Incomum na Vista Direita

Tags:
Avatar
Carlos de Freitas

Carlos de Freitas é o pseudônimo de Carlos de Freitas, redator e escritor (embora nunca tenha publicado uma oração coordenada assindética conclusiva). Diretor do núcleo de projetos culturais da Panela Produtora e editor do Senso Incomum. Cutuca as pessoas pelas costas e depois finge que não foi ele. Contraiu malária numa viagem que fez aos Alpes Suiços. Não fuma. Twitter: @CFreitasR

  • 1