Digite para buscar

Pandemia de fraude

Falha no sistema permite que eleitor canadense vote 15 vezes

Reportagem de jornal de Montreal mostra eleitor que conseguiu se registrar em 15 locais diferentes de votação nas eleições federais do Canadá

Compartilhar
Falha no sistema permite que eleitor canadense vote 15 vezes

Um eleitor canadense conseguiu se habilitar para votar em 15 seções eleitorais diferentes de Montreal, no Canadá, no dia da eleição federal, segundo mostra uma reportagem do Journal Métro.

O homem, que o jornal identifica apenas por um nome fictício, Claude, procurou o jornal dizendo que poderia provar que a fraude era facilmente de ser executada no dia da eleição, e que um conhecido seu havia tido sucesso anteriormente, tendo votado quatro vezes no pleito de 2015 e 10 vezes em 2019.

Os editores designaram uma repórter para acompanhar o fraudador durante o dia da eleição e confirmaram que Claude poderia ter votado em 15 seções eleitorais sem que ninguém percebesse que ele já havia votado antes.

Apesar de ter a oportunidade, o jornal diz que Claude não registrou os 15 votos. “Claude e eu concordamos que não era necessário registrar o voto para comprovar o problema com o sistema. A partir do momento em que pudéssemos nos inscrever várias vezes na lista de eleitores, e cada vez que o oficial o liberasse para votar, a manifestação seria feita [estava comprovada a possibilidade de fraude].”

Sem revelar os detalhes de como é possível fraudar o sistema eleitoral canadense, o jornal mostrou onde está o cerne do problema.

“Por um lado, a falha se deve ao fato de que é possível se inscrever na lista eleitoral no dia da eleição [No Brasil, seria o equivalente a expedir um título de eleitor, no dia da eleição, em 15 seções eleitorais diferentes]. Por outro lado, deve-se ao fato de os locais de votação não se comunicarem através de um sistema informatizado que indicaria que uma pessoa já votou.”

Com sistemas eleitorais em suspeição nos três maiores países do novo mundo, não é exagero concluir que as democracias ocidentais estão em um perigoso ponto de inflexão.


Seja membro da Brasil Paralelo por apenas R$ 10 por mês e tenha acesso a horas de conteúdo sobre liberdade de expressão!

Conheça a Livraria Senso Incomum e fique inteligente como nós

Vista-se com estilo e perca amigos com a loja do Senso Incomum na Panela Store

Faça seu currículo com a CVpraVC e obtenha bônus exclusivos!

Assuntos:
Leonardo Trielli

Leonardo Trielli não é escritor, não é palestrante, não é intelectual. Também não é bombeiro, nem frentista, não é formado em economia e nem ciências políticas. Nunca trabalhou como mecânico e nem bilheteiro de circo. Twitter: @leotrielli

  • 1