fbpx

Digite para buscar

Criminosos e terroristas

Revista Fórum lamenta: nenhum policial foi morto em ação em MG

Revista chamou de "massacre" ação contra os "suspeitos" que, já se sabe, faziam parte de quadrilha que aterrorizou Araçatuba (SP) em agosto deste ano

Compartilhar
Revista Fórum lamenta: nenhum policial foi morto em ação em MG

A manchete da Revista Fórum para noticiar a operação policial ocorrida na cidade de Varginha, MG, na madrugada de sábado para domingo (31), não deixa dúvidas: a revista não lamenta apenas que bandidos tenham sido mortos, mas que policiais tenham saído vivos.

“Massacre: Operação policial em Minas deixa 25 mortos e nenhum deles policial”, anuncia a revista. E você começa a ler a notícia pensando que 25 pessoas inocentes foram friamente assassinadas por “bandidos fardados.”

Ao ler o lamento da Revista Fórum, você descobre que a operação apreendeu “dez fuzis, munições, granadas e dez veículos roubados.” A Fórum deu pouca ênfase à apreensão.

“A quadrilha possuía um verdadeiro arsenal de guerra sendo apreendidos fuzis, metralhadoras .50, explosivos e coletes à prova de balas, além de vários veículos roubados. Foram arrecadados ainda diversos ‘miguelitos’ (objetos perfurantes feitos com pregos retorcidos usados para furar os pneus das viaturas policiais)”, informou a PRF em nota.

A .50, que deveria ser de uso exclusivo do exército, tem capacidade para derrubar helicópteros.

O murmúrio da Fórum também não diz que os 25 mortos eram suspeitos de fazer parte de uma quadrilha especializada em assaltar bancos com táticas terroristas, que usou gente inocente como escudo humano.

As investigações indicam que se trata da mesma quadrilha que aterrorizou as cidades de Araçatuba (SP), Criciúma (SP) e Uberaba (MG) em ataques que chamaram atenção até da mídia internacional.

https://twitter.com/Mariada74492517/status/1432249715442257921?s=20

A imagem que ilustra a reportagem da Fórum (abaixo) consegue ser ainda mais patética: não mostra uma ponta de fuzil, nenhum projétil, nada. Apenas um amontoado de tecidos (provavelmente coletes à prova de balas). Apenas um recorte que não condiz com o verdadeiro material apreendido.

Crédito das imagens: Divulgação / PM-MG

Conheça a Livraria Senso Incomum e fique inteligente como nós

Vista-se com estilo e perca amigos com a loja do Senso Incomum na Panela Store

Assuntos:
Leonardo Trielli

Leonardo Trielli não é escritor, não é palestrante, não é intelectual. Também não é bombeiro, nem frentista, não é formado em economia e nem ciências políticas. Nunca trabalhou como mecânico e nem bilheteiro de circo. Twitter: @leotrielli

  • 1