Podcast

Guten Morgen 87: Ambientalismo é a nova religião

Agora que Greta Thunberg ganhará o Nobel da Paz por se tornar o maior meme do ambientalismo, entenda como vão transformar o combate ao aquecimento global em uma nova religião no seu podcast preferido

Publicidade

Guten Morgen, Brasilien! Agora que Greta Thunberg se tornou o maior meme de toda a história universal dos memes, num mundo com aquecimento de memes global, o ambientalismo definitivamente caiu em desgraça, ou melhor, ficou sem graça, sendo visto finalmente como o que é: uma nova modinha monga, igual ao emo, pior do que A Banda Mais Bonita da Cidade, que dá para levar menos a sério do que as críticas sociais do Charlie Brown Jr.

Greta, a menina com síndrome de Aspenger nem faz idéia do que está fazendo, de quem manda em sua agenda, de qual dinâmica de poder está em disputa em seu discurso sobre “sonhos”. How dare you?!

Mas a pequena sueca empoderada e podre de rica que certamente ganhará o Nobel da Paz por ter sonhos (que sonhos?) roubados (por quem?) e que observará políticos (vai descer a porrada neles?) tem um discurso cirurgicamente escrito por outras pessoas, que sabem com precisão milimétrica o que querem atingir.

Alguém sabe quais são as medidas da ONU recentes sobre meio ambiente? O que foi decido e acordado da Rio 92 até hoje, e o que querem com isso? Quais são os documentos sobre clima, ambiente e ecologia, e o que preconizam além das questões climáticas, que não são nada além da superfície das questões políticas envolvidas?

O ambientalismo, com todo o seu discurso apocalíptico, com seu código de conduta, com sua adoração à natureza (e sua sacralização, num panteísmo moderno com nomes edulcoradamente “científicos”, como “aquecimento global” ou “consenso científico”), é hoje uma das maiores religiões do mundo – e ainda capaz de se infiltrar em outras religiões.

Qual a mudança radical – e global – de comportamento que está sendo não apenas pressuposta, mas imposta? Por que o discurso de Greta, por mera coincidência, coincide quase à perfeição com um documento da UNESCO? O que são acordos como a Carta da Terra, que prevê um ecumenismo global (sic) como sucedâneo religioso para todo o planeta, e os que julgam que “globalismo” é uma mera “teoria da conspiração” nem fazem idéia de que é um documento da ONU, implantado a passos apressados?

Descubra por que a pequena Greta Thunberg é algo muito mais perigoso do que um meme de gente molóide com discurso sonífero e repetitivo no seu podcast preferido!

A produção é de Filipe Trielli e David Mazzuca Neto no estúdio Panela Produtora, com produção visual de Gustavo Finger da Agência PierGuten Morgen, Brasilien!

—————

O Senso Incomum agora tem uma livraria! Confira livros com até 55% de desconto exclusivo para nossos ouvintes aqui

Publicidade
Sem mais artigos