Digite para buscar

Exemplo

Reino Unido: Não haverá mais “negócios como de costume” com a China

Primeiro-ministro interino Dominic Raab avisa que "teremos que fazer perguntas difíceis" sobre o novo coronavírus após pandemia

Avatar
Compartilhar
Dominic Raab, China, coronavírus

O Primeiro-ministro interino Dominic Raab, substituindo Boris Johnson que está se recuperando do vírus chinês, disse em entrevista coletiva, no último dia 16, que a relação entre o governo britânico e a ditadura chinesa deverá ser revisada, de acordo com o portal Epoch Times.

“É absolutamente necessário haver um mergulho muito, muito profundo após o evento da pandemia e uma revisão das lições, incluindo o surto do vírus. Não há dúvida de que não podemos fazemos negócios como de costume após essa crise, e teremos que fazer perguntas difíceis sobre como [o vírus] surgiu e como poderia ter parado mais cedo”, disse Raab

Outros políticos do Reino Unido também concordam com a opinião de Raab.

O parlamentar William Hague disse que a Grã-Bretanha não pode depender dos produtos e tecnologia chinesa, pois essa a pandemia demonstrou que a ditadura de Xi Jiping “não cumpre regras”.

Sir John Sawers, ex-diretor da agência de Inteligência MI6, declarou à BBC que a China tinha informações sobre o novo coronavírus, mas quis fugir de sua responsabilidade.


Guten Morgen Go – Primeira Guerra Mundial já está no ar!! Conheça o conflito que moldou o mundo problemático em que vivemos em go.sensoincomum.org!

Faça seu currículo com a CVpraVC e obtenha bônus exclusivos!

Conheça a Livraria Senso Incomum

Assuntos:
Avatar
Oliver

Oliver é dropista, podcaster e palestrante. Twitter: @Oliver_talk

  • 1