Digite para buscar

Tensão

China ameaça atacar Japão com bombas nucleares

Oficiais do Partido Comunista Chinês publicam vídeo dizendo que país usará bombas nucleares caso Japão tente defender Taiwan

Avatar
Compartilhar
China ameaça atacar bombas nucleares no Japão

O comitê do Partido Comunista Chinês (PCCh) da cidade de Baoji, província de Shaanxi, noroeste da China, publicou um vídeo viral de cinco minutos que defende que a China faça um ataque nuclear massivo contra o Japão caso o país interceda em Taiwan.

“Quando nós libertarmos Taiwan, se o Japão ousar intervir à força, mesmo que envie apenas um soldado, um avião ou um navio, nós não iremos apenas revidar reciprocamente, mas iniciaremos uma guerra de grandes proporções contra o Japão. Primeiro, usaremos bombas nucleares. Iremos utilizar bombas nucleares incessantemente até que o Japão declare rendição incondicional”, diz um trecho do vídeo.

Quem chamou atenção para a publicação foi a ativista de direitos humanos chinesa Jennifer Zeng. Atualmente morando em Nova Iorque, Zeng foi membro do PCCh mas fugiu da China em 2001 após ser condenada por praticar o Falun Gong, prática espiritual que, como qualquer religião, é proibida no país comunista.

O vídeo foi originalmente postado no domingo (11) em um canal militar da plataforma de streaming chinesa semelhante ao YouTube, XiGua, apagado após mais de 2 milhões de visualizações, 11 mil comentários e 88 mil likes, mas permanece online no canal do comitê de Baoji.

Com informações de Newsweek e OpIndia


Seja membro da Brasil Paralelo por apenas R$ 10 por mês e tenha acesso a horas de conteúdo sobre liberdade de expressão!

Conheça a Livraria Senso Incomum e fique inteligente como nós

Vista-se com estilo e perca amigos com a loja do Senso Incomum na Panela Store

Faça seu currículo com a CVpraVC e obtenha bônus exclusivos!

Assuntos:
Avatar
Leonardo Trielli

Leonardo Trielli não é escritor, não é palestrante, não é intelectual. Também não é bombeiro, nem frentista, não é formado em economia e nem ciências políticas. Nunca trabalhou como mecânico e nem bilheteiro de circo. Twitter: @leotrielli

  • 1