Os abutres

Mídia xinga criança e publica texto a favor da morte do presidente

Viés militante da mídia está cada dia mais evidente. Vale até xingar criança e pregar assassinato

O fim de semana “paz e amor” da esquerda militante, que domina a quase totalidade das redações, foi muito proveitoso. Teve xingamento covarde a uma criança e um notório petista instalado na imprensa usando sua coluna para pregar a morte do presidente.

Ninguém é obrigado a concordar com os caminhos que um governo adota. Disputas políticas são saudáveis quando os dois lados estão procurando a verdade e o bem comum. O que acontece, especialmente na mídia e com os supostos formadores de opinião, é que jogam de modo desleal. Escondem suas preferências, posando de imparciais. Seu objetivo é o poder.

O duplo padrão da imprensa fica cada vez evidente. Cada declaração de Bolsonaro causa comoção e alarde. Guga Chacra, que nunca se incomodou muito com os bilhões desviados pelo governo petista, chegou a dizer que tem nojo de Bolsonaro. O que Guga diria das declarações dos seus colegas?

Faz cada vez mais sentido a frase: “a melhor arma contra um esquerdista é deixá-lo falar”.

————–

Confuso com o governo Bolsonaro? Desvendamos o nó na revista exclusiva para patronos através do Patreon ou Apoia.se.

Não perca o curso Ciência, Política e Ideologia em Eric Voegelin, de Flavio Morgenstern, no Instituto Borborema!

Consiga uma vaga de emprego ou melhore seu cargo fazendo seu currículo no CVpraVC!

Adquira as camisetas e canecas do Senso Incomum na Vista Direita.

Assine o Brasil Paralelo e tenha acesso à biblioteca de vídeos com mais de 300 horas de conteúdo!

 

Publicidade
Sem mais artigos