Digite para buscar

Crime de opinião

Disney demite Gina Carano por “opiniões repugnantes e inaceitáveis”

Atriz é tratada como um judeu após afirmar que Republicanos são tratados como judeus: “Como isso é diferente de odiar alguém por suas opiniões políticas?”

Avatar
Compartilhar
Disney demite Gina Carano por “opiniões repugnantes e inaceitáveis”

A atriz Gina Carano (foto), intérprete da personagem Cara Dune na série The Mandalorian (Disney+) foi demitida após uma postagem no seu Instagram viralizar e ofender alguns coraçõezinhos sensíveis.

A postagem, que foi apagada após criar “polêmica” – lembre-se: “polêmica” é toda opinião contrária à cartilha progressista –, mostrava um print de outro usuário em que se lia a seguinte “opinião polêmica”:

“Como a história é editada, a maioria das pessoas hoje não percebe que, para chegar ao ponto em que os soldados nazistas poderiam facilmente prender milhares de judeus, o governo primeiro fez com que seus próprios vizinhos os odiassem simplesmente por serem judeus. Como isso é diferente de odiar alguém por suas opiniões políticas?”

Foi o pretexto necessário para a indústria do entretenimento cancelar, na hora, a atriz – que há tempos vem sendo criticada pelos seus pares por suas opiniões, digamos, exóticas (na visão deles, claro).

“Gina Carano não está atualmente empregada na Lucasfilm e não há planos para ela no futuro”, disse a Lucasfilm, produtora pertencente à Disney, em um comunicado. “No entanto, suas postagens nas redes sociais denegrindo as pessoas com base em suas identidades culturais e religiosas são repugnantes e inaceitáveis.”

A revista Variety classificou como “controversa uma postagem da atriz dizendo que é uma insanidade (fucking wild, em suas palavras) esperar que todas as pessoas que você conhece concordem com você em todos os seus pontos de vista.

Embora os justiceiros sociais tenham enxovalhado a atriz, mantendo a hashtag #FireGinaCarano por algumas horas nos trending topics dos EUA no Twitter (31 mil tuítes de pico), a reação contrária foi um pouco maior.

De acordo com dados do site trends24.in, até o momento #CancelDisneyPlus já teve 101 mil menções, chegando a figurar entre os tópicos mais comentados do mundo.

“A Disney não teve problemas em lucrar com os abusos dos direitos humanos na China, mas demitiu @ginacarano a mando de uma multidão das redes sociais porque nossas elites culturais e corporativas são um lixo e merecem seu absoluto desprezo”, escreveu Greg Price, editor de Daily Caller.

A comentarista conservadora Dana Loesch tuitou: “As pessoas falam mais alto a sua falsa indignação por Carano ser conservadora do que a Disney filmando ‘Mulan’ na província chinesa de Xinjiang (onde o Partido Comunista Chinês está assassinando uigures) e AGRADECENDO O PCCh nos créditos.”


Seja membro da Brasil Paralelo por apenas R$ 10 por mês e tenha acesso a horas de conteúdo sobre liberdade de expressão!

Entenda o pensamento do maior psicólogo da atualidade: Jordan Peterson – Entre a Ordem e o Caos!

Faça seu currículo com a CVpraVC e obtenha bônus exclusivos!

Conheça a Livraria Senso Incomum e fique inteligente como nós

Vista-se com estilo e perca amigos com a loja do Senso Incomum na Vista Direita

Assuntos:
Avatar
Leonardo Trielli

Leonardo Trielli não é escritor, não é palestrante, não é intelectual. Também não é bombeiro, nem frentista, não é formado em economia e nem ciências políticas. Nunca trabalhou como mecânico e nem bilheteiro de circo. Twitter: @leotrielli

  • 1