Digite para buscar

Manifestantes pró-Palestina agridem judeus em NY e LA

Compartilhar

Judeus foram agredidos enquanto jantavam em um restaurante na ilha de Manhattan, em Nova York, na última quinta-feira (20), como mostram as imagens do tuíte abaixo.

A agressão aconteceu na noite do anúncio de cessar-fogo entre Israel e o grupo terrorista Hamas.

O caso não foi isolado. Outros vídeos postados em redes sociais mostram extremistas gritando “f****-se sionistas” e outros palavrões enquanto empunham bandeiras palestinas.

Em Los Angeles também houve pelo menos um caso de agressão contra judeus, segundo o New York Times e a CBS local. De acordo com o jornal, um grupo pró-Palestina se aproximou de um restaurante japonês, jogou garrafas e xingou judeus que jantavam no local.

“Em um vídeo que captura parte do episódio, vários carros avançam lentamente pela rua movimentada em frente ao restaurante, que fica perto de várias sinagogas e escolas judaicas”, relata o jornal.

“Um homem com um megafone grita slogans como ‘Israel mata crianças’ de um dos carros, antes que vários homens deixem seus veículos para enfrentar os clientes na calçada em frente ao restaurante. Uma briga começa, até que um homem ameaça os agressores com um pedaço de pau. Pelo menos uma pessoa ficou ferida.”

Já o NY Post informa que uma mulher de 55 anos teve queimaduras nas costas após um grupo pró-palestina atirar fogos de artifício de dentro de um carro contra um grupo pró-Israel que protestava na Times Square.

Com informações de Daily Wire


Seja membro da Brasil Paralelo por apenas R$ 10 por mês e tenha acesso a horas de conteúdo sobre liberdade de expressão!

Conheça a Livraria Senso Incomum e fique inteligente como nós

Vista-se com estilo e perca amigos com a loja do Senso Incomum na Panela Store

Faça seu currículo com a CVpraVC e obtenha bônus exclusivos!

Assuntos:
Leonardo Trielli

Leonardo Trielli não é escritor, não é palestrante, não é intelectual. Também não é bombeiro, nem frentista, não é formado em economia e nem ciências políticas. Nunca trabalhou como mecânico e nem bilheteiro de circo. Twitter: @leotrielli

  • 1