"Jênio"

No primeiro dia de rodízio carrascudo em São Paulo, ônibus e metrôs ficam lotados

Ninguém poderia prever que a medida do prefeito Bruno Covas iria causar ainda mais aglomeração - enquanto multas enriquecem os cofres da prefeitura

Publicidade

 

Começou hoje ,11, na capital paulista, o rodizio imposto pelo prefeito Bruno Covas para evitar o deslocamento de pessoas e reduzir o ritmo de contágio de coronavírus.

Mas o óbvio (sempre ele) se impôs: metros e ônibus ficaram lotados nesta manhã, informa o jornal Diário do Transporte

Não é preciso ser infectologista para saber que transporte público lotado de gente é ambiente perfeito para proliferação de vírus. Mas esta constatação óbvia não faz diferença ao prefeito. Covas não utiliza transporte público.

 

Guten Morgen Go – Primeira Guerra Mundial já está no ar!! Conheça o conflito que moldou o mundo problemático em que vivemos em go.sensoincomum.org!

Faça seu currículo com a CVpraVC e obtenha bônus exclusivos!

Conheça a Livraria Senso Incomum e fique inteligente como nós.

Publicidade
Sem mais artigos