Fake News

Vanessa Grazziotin divulga fake news sobre Bolsonaro no jogo Flamengo x Atlético

Por algum mistério, a CPMI das Fake News não irá investigar ex-senadora comunista, e Vera Magalhães não traçará "os passos da milícia virtual"

Vanessa Grazziotin, ex-senadora amazonense (2011-2019) filiada ao Partido Comunista do Brasil, colocou hoje no Twitter um vídeo em que Bolsonaro foi vaiado por várias pessoas.

A comunista alega que esta situação ocorreu no jogo entre Flamengo e Atlhetico-PR, partida da Supercopa do Brasil no Mané Garrincha, em Brasília, neste domingo, dia 16.

.

O que é Fake News. O vídeo não foi filmado ontem, mas em setembro de 2017, quando Bolsonaro foi xingado por esquerdistas na FUMEC (Fundação Mineira de Educação e Cultura).

Essa informação mentirosa foi espalhada para toda a esquerda e seus portais, como por exemplo a Revista Forum. Essa narrativa falsa não será investigada pela CPMI das Fake News. E não terá a atenção dos jornalistas que traçam “os passos da milícia virtual”.

Curioso que Vera Magalhães, personagem conhecidas entre os leitores do Senso, fez questão de publicar em seu twitter, um artigo da Folha de São Paulo, que traça “os passos da milícia digital bolsonarista” contra Patrícia Melo, repórter da Folha. No entanto, existe um silêncio ensurdecedor para rastrear “a milicia virtual vermelha” contra o presidente Bolsonaro.

 

Em tempo: Vanessa Grazziotin apagou o vídeo um pouco antes de lançar essa matéria.


Conheça a importância da Primeira Guerra Mundial assinando o Guten Morgen Go – go.sensoincomum,org!

Publicidade
Sem mais artigos