Digite para buscar

Mais um

João de Deus sai da prisão graças ao coronavírus

Preso por cometer crimes sexuais, médium será solto por pertencer ao grupo de risco do vírus

Avatar
Compartilhar
João de Deus, solto, corona

João Teixeira de Faria, o João de Deus, irá cumprir sua pena em regime domiciliar. De acordo com a revista Veja, a juíza Rosângela Rodrigues dos Santos, da Comarca de Abadiânia, tomou a decisão alegando que João de Deus faz parte do grupo de risco:

“Como se vê, embora esteja sendo acusado por fatos de extrema gravidade, o requerente é idoso, acometido por doenças graves, por isso inserido no denominado grupo de risco para infecção pelo cornavírus, principalmente diante das más condições da cela (paredes mofadas, insalubridade) propícia à disseminação da Covid-19.”

O médium terá de cumprir uma série de restrições. Dentre elas, usar tornozeleira eletrônica, não ir à casa Dom Inácio de Loyola em Abadiânia, onde realizava sessões espirituais, não ter contato com vítimas e testemunhas dos processos de crimes sexuais, não sair de Anápolis, a 55 km de Goiânia, e comparecer ao Judiciário todo mês.

Aos 78 anos, João de Deus foi condenado a quase 60 anos de prisão por crimes sexuais.


Conheça a importância da Primeira Guerra Mundial assinando o Guten Morgen Go – go.sensoincomum,org!

Assuntos:
Avatar
Oliver

Oliver é dropista, podcaster e palestrante. Twitter: @Oliver_talk

  • 1