Digite para buscar

Meme pronto

Antagonista diz que Bolsonaro quer tirar Valeixo porque “PF desvendou sua milícia digital” (sic)

Juveninho e sua monomania não desistem! Site de fofocas insiste em falar de “milícia digital” que o próprio Moura Brasil nunca conseguiu provar que existe

Avatar
Compartilhar
Alexandre Frota na CPMI das Fake News

O Antagonista, que noticia que Sérgio Moro sairá do Ministério da Justiça desde que Moro ainda estava no berçário, apelou de novo para o reductio ad morom e se desbaratou num dia em que a Folha também repetiu o bordão “Moro demitido amanhã”.

Mas quem coroou o bolo cerejosamente foi uma nota do site de fofocas não-assinada, mas com alguns resquícios da linguagem obsessiva e monotemática de Felipe Moura Brasil, codinome Juveninho (sério, já leu o que ele escrevia no Twitter sob o nome Juveninho? É ouro). 

De acordo com a nota interpretativa, Bolsonaro gostaria de tirar Valeixo do comando da Polícia Federal porque… prepare-se para rir… porque Valeixo “conseguiu descobrir como funcionava a sua milícia digital, inclusive os patrocinadores” (sic). E ainda conclui, com o idioleto marcado de Juveninho: “Trocando o comando da instituição, Bolsonaro tenta estancar a sangria”. 

Ou seja, Bolsonaro gostaria de trocar a chefia da PF porque… bem, porque Valeixo leu a reportagem ridícula e mal escrita de Juveninho na Crusoé, na qual Felipe Moura Brasil passa o salário de diversos desafetos seus, SEM UMA ÚNICA PROVA de malversação de dinheiro público por quem quer que seja. 

A fantasia é tão estúpida que o autor da notinha do Antagonista, que preferiu não se identificar para evitar passar vergonha, acha que, caso o diretor geral da Polícia Federal descubra uma verdadeira quadrilha que faz uma “milícia virtual” (que nome pomposo para “jovens fazendo memes rindo da cara do Juveninho”, hein, Felipe Moura?), basta trocar o comando central da Polícia Federal do país que está tudo resolvido, e ninguém mais vai investigar! 

https://twitter.com/Leitadas_L0en/status/1253387605712015363

Só mesmo acreditando MUITO na própria “reportagem” ridícula, baseada unica e exclusivamente no quanto Felipe Moura Brasil quer prejudicar seus desafetos nas redes. Só porque o Juveninho ganhou um prêmio de jornalistas esquerdistas que adoram se auto-adular quando “descobrem um podre da direita”, agora já está todo abichado querendo revelar salários e supor condutas impróprias, sem prova nenhuma.

Como se o comando da Polícia Federal fosse ser trocado por conta de memes. Essa turma do Felipe Moura Brasil realmente acha que uma polícia federal, preocupada com narcotráfico internacional, proteger aeroportos de terroristas e desvendar lavagem de dinheiro em paraísos fiscais, leva gente como Juveninho a sério.

Só quem leva Felipe Moura Brasil a sério é retardado em rede social. E o grande Alexandre Frota, claro.


Guten Morgen Go – Primeira Guerra Mundial já está no ar!! Conheça o conflito que moldou o mundo problemático em que vivemos em go.sensoincomum.org!

Faça seu currículo com a CVpraVC e obtenha bônus exclusivos!

Conheça a Livraria Senso Incomum e fique inteligente como nós.

Assuntos:
Avatar
Flavio Morgenstern

Flavio Morgenstern é escritor, analista político, palestrante e tradutor. Seu trabalho tem foco nas relações entre linguagem e poder e em construções de narrativas. É autor do livro "Por trás da máscara: do passe livre aos black blocs" (ed. Record).

  • 1