Digite para buscar

Loja vende pênis de crochê para “crianças trans e não-binárias”

Compartilhar

A plataforma americana Ravelry, site de venda de artesanatos, está disponibilizando pênis protéticos para “crianças trans e não-binárias”.

Embora disponível desde o fim de 2019, só na última semana os holofotes voltaram-se para o produto, após viralizar o tuíte abaixo:

“Um pênis tricotado para meninas extremamente pequenas usarem nas calças se seus pais acreditarem que elas são transexuais”, diz o tuíte.

“(…) Todo o propósito de uma prótese de pênis é se uma mulher identificada como trans tiver algum tipo de ansiedade genital, ela pode usá-la para aliviar essa disforia.”

“POR QUE uma criança muito pequena, que usa fralda, tem alguma preocupação, ansiedade ou até mesmo * consciência * de seus órgãos genitais ?????”

Por conta das críticas negativas, a designer Bethany Amborn atualizou a descrição do produto em seu site, explicando que as próteses não são para bebês ou crianças.

“Tem havido alguma confusão entre aqueles que não acreditam na existência de crianças trans (…). Obviamente, bebês e crianças pequenas não são capazes de expressar esse tipo de necessidade.”

Mas as imagens dos produtos contradizem tanto a nota quanto a sua descrição: “Este padrão [prótese] (…) é para uso por pessoas trans e não binárias ou como um modelo anatômico. Inclui 4 tamanhos: Adulto S, G e XL e o Bitty Bug para jovens (grifo nosso).”

Com informações de Breitbart News


Seja membro da Brasil Paralelo por apenas R$ 10 por mês e tenha acesso a horas de conteúdo sobre liberdade de expressão!

Conheça a Livraria Senso Incomum e fique inteligente como nós

Vista-se com estilo e perca amigos com a loja do Senso Incomum na Panela Store

Faça seu currículo com a CVpraVC e obtenha bônus exclusivos!

Assuntos:
Leonardo Trielli

Leonardo Trielli não é escritor, não é palestrante, não é intelectual. Também não é bombeiro, nem frentista, não é formado em economia e nem ciências políticas. Nunca trabalhou como mecânico e nem bilheteiro de circo. Twitter: @leotrielli

  • 1