Digite para buscar

F...!

Lula diz que tem “tesão” pelo Brasil

O ex-presidente disse em um discurso que tem "tesão" pelo Brasil. O que é exatamente o que seus detratores sempre afirmaram sobre Lula.

Avatar
Compartilhar
Lula dá "sarrada" com a Juventude do PT

Lula, o ex-presidente e futuro presidiário, continua impávido e colosso em sua campanha para alegar incapacidade, senilidade e variados graus de loucura para não ter de passar o fim de sua vida pública atrás das grades como primeiro presidente preso, nunca antes na história deste país. Agora, em seu Twitter, deu para afirmar que tem “tesão” pelo Brasil.

A assessoria de imprensa de Lula, que deveria cuidar da parte, digamos, alfabetizada de sua campanha pelo eu-não-sabia-de-nada, sem muito senso do ridículo, deixou que o tweet sobre ter “tesão” pelo país passasse à vontade.

Para tesão da internet: o tweet anterior de Lula não chegou a 200 RTs, tal como o posterior. Já este, em dois dias já chegou perigosamente perto dos 2 mil.

Certamente não por um bando de Rosemary’s fãs de Lula e dispostas a apagar seu tesão com seus grelos duros, já que ignoraram os tweets anteriores e posteriores, mas porque as estultícias do presidente são muito mais dignas de nota do que qualquer desculpa que ele dê para escapar da cadeia – basicamente tudo o que Lula hoje faz.

A internet ficou com ainda mais tesão do que o priapismo de Lula:

https://twitter.com/DilmaRoussef__/status/912791824091238402

https://twitter.com/victorschimidt1/status/912805307201486850

É de se notar a numerologia de Lula, para quem ainda acredita no super-candidato: é praticamente impossível encontrar um tweet de Lula com mais RTs do que respostas (90% delas bem pouco higiênicas). Um RT de divulgação de uma figura supostamente gigantesca como Lula leva menos de 1 segundo e exige 2 cliques. Uma resposta… bem, you know.

Lula coça o sacoUm tweet de Donald Trump, o homem que a mídia chama de “polêmico” e trata como se fosse Adolf Hitler, rapidamente tem dezenas de milhares de RTs. Lula, com toda a mídia a seu favor, quase em posição rosemaryana de tesão, só consegue virar piada quando o estagiário esquece de censurar um chiste grotesco com “tesão”.

Lula desistiu das metáforas com futebol e agora falta pouco para assumir que quer mesmo é praticar uma modalidade de sexo selvagem com o país, o que todos os seus críticos vinham dizendo que ele tem feito durante a sua vida.

Menino do MEP, sexo com animais em entrevista à Playboy, Pelotas exportadora de viado, Rosemary Noronha, “sarrada” com a Juventude do PT e agora “tesão pelo Brasil”. Lula não tem um botão de auto-controle, como pessoas normais?

Basta lembrar que, na semana seguinte após sua “sarrada”, fazendo o gesto funkeiro de demonstrar o tamanho imaginário de sua trosoba para ameaçar o transeunte com ela, começou a onda de ejaculações em ônibus pelo Brasil. Lula dá um exemplo a favor ou contra a prática?

—————

Contribua em nosso Patreon ou Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!

Conheça o curso Infowar: Linguagem e Política de Flavio Morgenstern pelo Instituto Borborema para aprender como a política se faz pelo controle da linguagem e de sentimentos.

Faça sua inscrição para a série Brasil: A Última Cruzada, do Brasil Paralelo, e ganhe um curso de História sem doutrinação ideológica por este link. Ou você pode aproveitar a promoção com as duas temporadas por apenas 12 x R$ 59,90.

Compre o filme O Jardim das Aflições, sobre a obra do filósofo Olavo de Carvalho, por este link. Ou a versão estendida, com mais de 12 extras, por aqui.

[amazon asin=8501110825&template=iframe image2][amazon asin=8501110523&template=iframe image2][amazon asin=B01H7V7DZY&template=iframe image2][amazon asin=8501090794&template=iframe image2][amazon asin=8567394740&template=iframe image2][amazon asin=8562409979&template=iframe image2][amazon asin=859507013X&template=iframe image2][amazon asin=8562816027&template=iframe image2][amazon asin=8567394880&template=iframe image2][amazon asin=8501401013&template=iframe image2][amazon asin=8567394783&template=iframe image2][amazon asin=8501110205&template=iframe image2]
Assuntos:
Avatar
Flavio Morgenstern

Flavio Morgenstern é escritor, analista político, palestrante e tradutor. Seu trabalho tem foco nas relações entre linguagem e poder e em construções de narrativas. É autor do livro "Por trás da máscara: do passe livre aos black blocs" (ed. Record).

  • 1