Digite para buscar

Medo e delírio

O Globo usa mesma foto pela terceira vez para noticiar suposto panelaço

Jornal dos Marinho parece encontrar dificuldades com fotos e filmagens de alegados panelaços contra o presidente

Avatar
Compartilhar

Este espaço já esgotou a paciência do leitor com citações sobre a decadência da imprensa, cantada em prosa e verso de guardanapo por grandes homens do pensamento, como Goethe e Karl Kraus. Já deu nos nervos mesmo. Hoje, ninguém precisa ter escrito obras clássicas e aforismos geniais para entender a estupidez da mídia: basta ler uma notícia.

O cinismo do jornalismo atual – cada vez mais um jornalismo ficcional, sem nenhum respeito aos fatos – impressiona. Parece que a perda das milionárias verbas dos governos anteriores não tem feito muito bem a classe. O desrespeito ao leitor é nítido. O jornal O Globo deu mais uma prova disso ao publicar uma notícia sobre um suposto panelaço que teria ocorrido durante o discurso do presidente pelo Dia da Independência.

globo-noticia-panelaço

A imagem de arquivo usada para demonstrar o panelaço é a mesma que foi usada em outras duas notícias anteriores. Parece que a turma que cuida do banco de fotos do jornal está com muita dificuldade para encontrar gente debruçada na janela com uma panela na mão. Tampouco há relatos do tal panelaço. Será que já estão noticiando seus próprios delírios?

O ruído, ao que parece, só foi possível de se captar a ouvido nu em lugares onde a realidade faz tanto sentido quanto um francês com um gravador instalado no nariz tocando A Marselhesa em looping eterno, como o Leblon e a Vila Madalena. Para o resto daqueles que ainda estão naquilo que se convencionou chamar de realidade – quem já chutou um pé de mesa sabe como ela é cruel às vezes -, reinou o mais rematado silêncio.

Não é preciso ser nenhum gênio para concluir que a mídia brasileira – a do resto do mundo não foge muito disso – é pura babaquice.

O Globo- imagem repetida


Seja membro do Brasil Paralelo e tenha acesso a horas de conteúdo sobre liberdade de expressão!

Entenda o pensamento do maior psicólogo da atualidade: Jordan Peterson – Entre a Ordem e o Caos!

Faça seu currículo com a CVpraVC e obtenha bônus exclusivos!

Conheça a Livraria Senso Incomum e fique inteligente como nós

Vista-se com estilo e perca amigos com a loja do Senso Incomum na Vista Direita

Assuntos:
Avatar
Carlos de Freitas

Carlos de Freitas é o pseudônimo de Carlos de Freitas, redator e escritor (embora nunca tenha publicado uma oração coordenada assindética conclusiva). Diretor do núcleo de projetos culturais da Panela Produtora e editor do Senso Incomum. Cutuca as pessoas pelas costas e depois finge que não foi ele. Contraiu malária numa viagem que fez aos Alpes Suiços. Não fuma. Twitter: @CFreitasR

  • 1