Digite para buscar

Oh, que surpresa!

Campanha eleitoral de Biden exigiu censura de conteúdos no Facebook

Reportagem da CNN mostra como a campanha do atual presidente americano atuou pela censura nas redes. A rede de TV, no entanto, achou que o Facebook censurou pouco

Compartilhar
Campanha eleitoral de Biden exigiu censura de conteúdos no Facebook

A rede de televisão americana CNN obteve cópias de e-mails da chapa Biden/Harris e descobriu que a equipe de campanha do atual presidente americano exigiu, por diversas vezes, que o Facebook censurasse conteúdos que pudessem prejudicar a campanha de Joe Biden.

Para a surpresa de zero pessoas, a reportagem é claramente crítica ao fato de o Facebook não ter conseguido censurar ainda mais o que eles chamam de “desinformação e retórica violenta”.

As mensagens, segundo a reportagem, destacam como os Democratas ficaram “preocupados com a desinformação no Facebook” e como eles estavam frustrados com a resposta da Big Tech.

A jornalista Didi Rankovic, do site Reclaim the Net, questiona:

“Alguns podem se perguntar o que faz a CNN (…) desmascarar a campanha de Biden pressionando o Facebook a agir de uma determinada maneira, e a resposta pode ser – para colocar ainda mais pressão, desta vez com as eleições de 2022 em mente.”

Em 2022 acontecerão as chamadas “midterms elections”, eleições de meio de mandato, em tradução literal – onde os americanos elegerão uma nova legislatura para o congresso americano.

Para o jornalista Paul Joseph Watson, do site Summit News, o questionamento de Rankovic já está respondido:

“Toda a farsa é apenas um lobby da CNN por mais censura e, uma vez que o Facebook está na cama com os Democratas e o Deep State, eles certamente entenderão.”


Seja membro da Brasil Paralelo por apenas R$ 10 por mês e tenha acesso a horas de conteúdo sobre liberdade de expressão!

Conheça a Livraria Senso Incomum e fique inteligente como nós

Vista-se com estilo e perca amigos com a loja do Senso Incomum na Panela Store

Faça seu currículo com a CVpraVC e obtenha bônus exclusivos!

Assuntos:
Leonardo Trielli

Leonardo Trielli não é escritor, não é palestrante, não é intelectual. Também não é bombeiro, nem frentista, não é formado em economia e nem ciências políticas. Nunca trabalhou como mecânico e nem bilheteiro de circo. Twitter: @leotrielli

  • 1